Contos da Meia Noite: Casa Sombria

Casa Sombria


Uma certa vez, eu e minha família viajamos para fazenda, e na estrada de nossa casa tem uma casa muito velha e bem feia, nesse dias um dos meus primos, foi na janela de nossa casa e fingiu que estava atirando na casa velha, nós mandamos ele parar mas ele não parou, passou alguns minutos e meu irmão e meu primo menor vieram correndo para casa dizendo que ouviram um barulho na casa velha, ninguém acreditou neles,.

Foi ai que eu sai para fora e vi meu irmão jogar uma pedra na casa velha, eu gritei com ele, foi quando eu ouvi o barulho da casa, foi como alguém tivesse chutado a porta, eu tirei todos eles de lá, e todos nós ficamos olhando da janela, foi quando começou tudo: a maçaneta da porta é daquelas redonda e antigas, nos olhamos e a maçaneta girou como se alguém fosse abrir a porta, mas ninguém morava naquela casa, contamos para a minha mãe e ela não acreditou disse que era coisa da nossa cabeça.

Nós levamos minha mãe para a janela, foi quando ela também se surpreendeu, a maçaneta girava, e o barulho continuou como se estivessem mesmo chutando a porta, ela ficou apavorada e chamou minha tia para ver aquilo, minha tia disse que eram mendigos que moravam ali, mas como se ninguém nunca saiu daquela casa ou se quer abriram a porta como? nos estávamos com medo, mas não fizemos nada, foi ai que ouvimos o maior barulho de todos, como se a porta tivesse arrebentado, corremos para a janela e estava tudo normal.

Deixamos queto mais uma vez, mas mesmo assim estávamos morrendo de medo, a noite chegou, e minha tia foi embora com meus primos, ficou minha mãe, meu irmão, e eu em casa com medo de acontecer mais alguma coisa, mas tudo parou, não ouvimos mas nenhum barulho então se arrumamos e fomos dormir, no dia seguinte acordamos cedo e a porta estava aberta…… isso foi real e aconteceu em 2011 e até hoje não sabemos se eram pessoas dentro daquela casa ou outras coisas.

Fonte: Natty
Foto: A/D - Arquivo OpenBrasil.org

Contos da Meia Noite - OpenBrasil.org
Página anterior Próxima página